Comunhão

1 João 1.1-4

 1 O que era desde o princípio, o que ouvimos, o que vimos com os nossos olhos, o que contemplamos e as nossas mãos apalparam — isto proclamamos a respeito da Palavra da vida. 2 A vida se manifestou; nós a vimos e dela testemunhamos, e proclamamos a vocês a vida eterna, que estava com o Pai e nos foi manifestada. 3 Nós lhes proclamamos o que vimos e ouvimos para que vocês também tenham comunhão conosco. Nossa comunhão é com o Pai e com seu Filho Jesus Cristo. 4 Escrevemos estas coisas para que a nossa alegria seja completa.

Você tem comunhão com Deus? Essa é uma das perguntas que poderemos responder após o estudo da primeira carta de João. O teólogo Carlos Osvaldo Pinto bem expressou o propósito da carta da seguinte forma: “Conduzir os crentes ao pleno desfrute da comunhão espiritual e da certeza de salvação pessoal, apresentando os critérios que definem a genuína comunhão cristã com um Deus santo e amoroso”. Há grandes evidências de que a carta tem como autor o apóstolo João.

Uma das evidências é a comparação com o quarto evangelho, João. Observe as palavras “princípio” e “Palavra” no verso 1 e em João 1.1. Para ter certeza a quem se refere o termo “Palavra”, leia João 1.14 e 17b. A comunhão com Deus é enfatizada, pois ela está totalmente relacionada à vida eterna (v. 2, compare com Jo 14.6; 17.3). Segundo o verso 3, qual é o objetivo da proclamação da verdade sobre Jesus? Apenas em plena comunhão com Deus é que poderemos desfrutar a verdadeira alegria (v. 4). (Fonte: Foco e Desenvolvimento no Novo Testamento, de Carlos Osvaldo Cardoso Pinto.)

Voltemos, então, à pergunta: Você tem comunhão com Deus? Jesus, a Palavra que Se tornou carne, faz parte de sua vida? Você tem proclamado o que sabe sobre Jesus para outros, a fim de que eles também desfrutem comunhão? No dia de hoje, pesquise na internet ou em comentários bíblicos informações importantes sobre aspectos introdutórios da primeira carta de João. Isso o ajudará a entendê-la melhor durante a semana.


Devocionais nas cartas de João – Textos na versão NVI (Nova Versão Internacional)
DANIEL SIMÕES – extraído do Diário de Hora Silenciosa da organização Palavra da Vida, usado com permissão